As 10 melhores dicas para utilizar câmeras de trilha na caça de javali

As 10 melhores dicas para utilizar câmeras de trilha na caça de javali

A caça de javali é uma atividade popular entre muitos caçadores experientes e iniciantes. Para capturar imagens do bicho em ação, é essencial utilizar uma câmera de trilha de alta qualidade. No entanto, muitos caçadores não sabem como usar adequadamente essas câmeras para capturar as melhores imagens. Neste artigo, você encontrará as melhores dicas para utilizar câmeras de trilha na caça de javali.

Veja abaixo, dicas de como posicionar sua câmera para obter imagens nítidas e claras, onde colocar a câmera para maximizar suas chances de capturar imagens dos javalis em sua rotina diária, etc. Com estas dicas úteis, você pode melhorar significativamente sua experiência de caça e ainda capturar imagens impressionantes dos javalis em ação.

Mude a câmera de local ao longo do tempo

Ao utilizar câmeras de trilha para a caça de javalis, é importante saber quando é hora de movê-las para um novo local. Se você está procurando um javali específico e não está obtendo resultados, não tenha medo de mudar de localização. Os javalis são animais inteligentes e podem mudar seus padrões de movimento com frequência. Portanto, estar disposto a mover as câmeras durante a temporada pode ser a chave para o sucesso.

Mover as câmeras também pode ajudar a obter informações valiosas sobre a atividade do javali em diferentes áreas. Por exemplo, se você está recebendo apenas imagens noturnas, pode ser um sinal de que o javali está se alimentando em uma área diferente durante o dia. Ao mudar a câmera para um novo local, você pode capturar informações úteis sobre onde o javali está se alimentando e se movendo durante diferentes horas do dia. Não tenha medo de correr riscos ao mudar as câmeras de lugar, pois isso pode resultar em uma oportunidade de sucesso durante a caça de javali.

Fique atento as fontes de alimento da estação

Posicionar uma câmera de trilha nos acessos próximos a fontes de alimentos de estação, como lavouras de milho, soja, cana ou ainda araucárias em época de pinhão, pode ser uma estratégia eficaz para monitorar a presença de javalis. Essa tática oferece a possibilidade de instalar câmeras de forma pouco invasiva, com fácil acesso para troca de cartões de memória e/ou pilhas.

Além de identificar áreas de maior atividade de javalis, a instalação de câmeras próximas a fontes de alimentos pode ajudar a determinar o padrão de comportamento desses animais. Observar a frequência de visitas e os horários em que os javalis aparecem pode ajudar a planejar a caça com mais precisão.

Vá até a câmera de trilha o mínimo possível

Para caçadores de javali, é importante evitar visitar a câmera de trilha frequentemente para verificar as fotos. Isso pode afugentar os animais e diminuir as chances de uma caçada bem-sucedida. Uma alternativa é usar uma câmera de trilha que envie fotos diretamente para o smartphone do caçador.

Câmera de trilha sofisticada: Painel solar e antena para envio das imagens diretamente para o celular
Câmera de trilha sofisticada: Painel solar e antena para envio das imagens diretamente para o celular

Outra opção é escolher dias de chuva ou vento para verificar as fotos. Isso ajudará a dispersar o cheiro humano e evitar que os javalis sejam alertados. Ao verificar a câmera de caça, é importante usar botas de borracha e roupas sem odor. Além disso, é recomendado checar a câmera durante o trajeto para a área de caça, evitando visitas adicionais.

Lembre-se de que a presença humana no local pode afugentar os javalis, reduzindo as chances de sucesso na caçada. Ao tomar certas precauções, os caçadores podem aumentar suas chances de encontrar os animais e fazer uma caçada bem-sucedida.

Câmeras de trilha na caça de javali: Lamaçais são ótimos locais

Os banhos de lama são pontos de parada definidos para os javalis adultos e podem ser uma boa oportunidade para posicionar uma câmera de trilha. Embora, alguns caçadores acreditem que isso possa perturbar demais os javalis. Contudo, se a sua câmera enviar as fotos diretamente para o seu telefone isso não deve ser um problema. Os javalis geralmente visitam lamaçais durante o dia, após se alimentarem à noite. Portanto, uma câmera pode fornecer informações sobre seus movimentos. A estratégia de posicionar a câmera de trilha perto de um lamaçal é uma maneira de obter insights sobre os hábitos dos grandes javalis.

Posicione a câmera de trilha em cruzamentos

Para obter os melhores resultados com a câmera de trilha na caça de javalis, é importante posicioná-la em cruzamentos entre diferentes trilhas. Evite colocá-la em apenas uma trilha, pois isso pode produzir resultados limitados.

Os locais de cruzamento de trilhas podem ser encontrados perto de fontes de alimentos, como campos ou áreas de alimentação de porcos selvagens. Identifique onde os javalis estão entrando e saindo da fonte de alimento e coloque sua câmera lá. Além disso, considere adicionar uma “isca” em frente a câmera para atrair ainda mais os javalis.

Utilize uma isca para atrair os javalis

Uma das estratégias mais eficazes para posicionar câmeras de trilha para caça de javalis é instalá-las próximas a comedouros ou cevas. Ao contrário de outros animais, os javalis são oportunistas e não são muito seletivos em relação ao que comem. Por isso, utilizar alimentos como isca é uma ótima ideia para atrair javalis para a área.

Ao posicionar a câmera de trilha perto do comedouro, você pode monitorar o horário em que os javalis costumam aparecer. Além de identificar a presença de javalis de grande porte e até mesmo observar padrões de comportamento, como o número de animais que aparecem juntos. Com essas informações em mãos, você pode ajustar suas estratégias de caça de acordo com os hábitos dos javalis daquela área, aumentando suas chances de uma caçada bem-sucedida.

Dica importante: Oculte a sua câmera de trilha

As câmeras de trilha são ferramentas muito úteis para a observação de animais na natureza, mas, infelizmente, também podem ser alvos de roubo. É importante, portanto, escondê-las de maneira eficiente, para que possam permanecer seguras e funcionando adequadamente.

Uma das principais recomendações é encontrar locais discretos e difíceis de serem localizados por outras pessoas. Além disso, é fundamental que a câmera esteja presa de forma segura e firme. Consequentemente, evitando que ela seja facilmente removida ou danificada. Também é indicado camuflá-la com materiais naturais, como galhos e folhagens, ou no oco de troncos, para torná-la menos perceptível.

Outra sugestão importante é evitar locais óbvios, como trilhas muito utilizadas por outras pessoas ou próximas a áreas habitadas. Dessa forma, a câmera de trilha tem menos chances de ser notada ou de chamar a atenção de curiosos. Por fim, é interessante também utilizar cadeados ou dispositivos de segurança para evitar que a câmera seja removida sem autorização. Seguindo essas dicas, é possível utilizar as câmeras de trilha com mais segurança e eficiência na observação de javalis.

Use câmeras mais baratas para encontrar locais novos

Muitos caçadores colocam câmeras de trilha sempre nos mesmos lugares a cada temporada. Mas, e se você pudesse descobrir o que está acontecendo em outras áreas? Para isso, uma boa estratégia é utilizar modelos de câmera de trilha mais baratos em locais novos e pouco explorados, como áreas de passagem ou onde nunca se concentrou antes. Ou seja, deixe as câmeras lá por algumas semanas e surpreenda-se com o que ela poderá registrar nesse período. Use essas informações para aprimorar as suas próximas estratégias.

Câmera de trilha simples para caça de javali
Câmera de trilha simples e barata para a caça de javali

Cuidado com o sol

A posição da câmera de trilha é crucial para obter fotos nítidas e precisas. Uma das principais dicas é evitar colocá-la voltada para onde o sol nasce ou se põem. Isso porque a luz solar pode refletir na lente da câmera, resultando em fotos borradas ou com excesso de luz. Além de, eventualmente, fazer com que a câmera dispare sem necessidade devido às mudanças de temperatura causadas pelo sol.

Para evitar esse problema, o ideal é posicionar a câmera de trilha voltada para o norte ou para o sul. Consequentemente, protegida dos raios solares diretos. Dessa forma, as fotos terão uma iluminação mais uniforme. Além disso, a câmera só será acionada quando realmente houver movimento de animais na área. Seguindo essas dicas, você aumenta suas chances de capturar imagens nítidas e precisas de javalis em sua rotina natural.

Não baseie as decisões de caça apenas nas fotos

Embora as câmeras de trilha sejam ferramentas úteis para obter informações sobre a rotina dos javalis, é importante não depender totalmente delas. É comum ter ótimas caçadas sem ter visto nenhum javali nas imagens da câmera. Portanto, é importante lembrar que ela não captura tudo o que acontece.

Não se baseie apenas nas imagens da câmera de trilha para tomar decisões de caça. Confie em sua intuição e em outros sinais, como pegadas e fuçados, para encontrar o melhor local para caçar javalis.

Considerações finais sobre as câmeras de trilha na caça de javali

Em resumo, a utilização de câmeras de trilha pode ser uma ferramenta extremamente útil na caça de javalis. A escolha do local certo é crucial, e é importante experimentar diferentes áreas para obter o máximo de informações possíveis. Todavia, é importante ter em mente que o objetivo deve ser coletar dados sobre a atividade dos javalis, sem afugentar os animais do local.

Com as dicas certas e a estratégia correta, as câmeras de trilha podem ajudar a melhorar a eficácia da caça de javalis. Além de proporcionar uma experiência mais gratificante para o caçador. Lembre-se de obter o seu cadastro no IBAMA para a caça de javali, respeitar os animais silvestres e as leis brasileiras, e sempre praticar uma caça ética e responsável.

Saty Jardim:

Prestador de serviços credenciado no Exército Brasileiro sob Nº 000.116.553-48. Praticante da pesca, caça e do tiro desportivo, que aprendeu na prática os procedimentos legais para compra e registro de armas de fogo, requisição de CR e outros procedimentos junto ao Exército, Polícia Federal, IBAMA e SAP/MAPA.

Deixe o Seu Comentário:

quinze − oito =

2019 - 2024 Legalmente Armado. Desenvolvido por .