8 motivos para caçar javali com uma balestra

8 motivos para caçar javali com uma balestra

Em tempos de fortes restrições às armas de fogo, a balestra torna-se uma opção atrativa para a caça de javali. Entre espingardas e rifles, nesse artigo nós vamos mostrar boas razões para caçar com um equipamento diferente: uma balestra. Em torno aos principais motivos para caçar javali com balestra, podemos citar a precisão, facilidade e a mínima burocracia legal.

Acredita-se que a besta ou balestra foi criada pelos chineses durante o século IV AC. Além deles, diversos outros povos também utilizaram engenhosidades contendo arcos afixados a uma vara de madeira, durante muitas guerras, antes do surgimento das armas de fogo. Evidências também mostram a balestra foi um equipamento fundamental para caça e defesa contra animais selvagens até o século XVIII. 

As bestas evoluíram bastante e nos dias de hoje são totalmente diferentes do que foram no passado. A tecnologia avançou e modificações importantes foram feitas. Entre elas, o design do arco, cordas especiais, roldanas, miras e até mesmo as flechas. Por que não dar uma nova chance às balestras?

Salvo alguma eventual lei estadual ou municipal, a balestra é considerada uma arma branca e seu uso é permitido na caça de javali. No entanto, seu uso está condicionado à licença do IBAMA e ao cumprimento de regras ambientais. Se você ainda não possui o seu cadastro no IBAMA para controle de javali, veja aqui como fazer.

Veja a seguir, os 8 motivos para caçar javali com uma balestra.

A besta é um equipamento diferenciado

As bestas surgiram e garantiram seu espaço nos campos de batalha da antiguidade, até que foram substituídas pelas armas de fogo. Nos dias de hoje, elas ressurgiram muito mais sofisticadas do que as primeiras versões. Elas normalmente são fabricadas com metais extremamente fortes e leves. Além disso, permite personalizações com miras, coronhas ajustáveis e outros aparatos.

Devido à mecânica moderna, ao engatilhar, a besta não exige a mesma tensão física do que o arco tradicional. Isso significa que as balestras dão aos caçadores mais idosos e também aos mais jovens a possibilidade de caçar o javali, sem o mesmo desgaste físico de um arco tradicional e com menos burocracia.

A utilização de balestras para fins de caça de javali cresceu imensamente nos últimos tempos. Esse crescimento trouxe a ideia de caçar com besta para o gosto popular. Caçadores adeptos das balestras podem ser encontradas em praticamente todos os estados brasileiros, incluindo pessoas de todas as faixas etárias e estilos de vida.

Saúde é um dos motivos para caçar javali com uma balestra

Dentre os motivos para caçar javali com uma balestra, talvez a saúde esteja entre os mais importantes. Além da caça oferecer uma fuga das demandas estressantes e aceleradas da vida moderna, o uso de balestras também requer um certo preparo físico.

Para armar uma balestra, normalmente o caçador precisa fazer uma força que supera os 40 ou 50 quilos. Bestas também são equipamentos consideravelmente mais pesados do que rifles ou espingardas. Portando, o uso desses equipamentos na caça exige certos regramentos e um bom condicionamento físico.

Alternativa mais silenciosa

Quem caça com uma arma de fogo sabe que é preciso dar um bom primeiro tiro, porque suas chances de conseguir um segundo são bem menores. Isso, pois o alto ruído do primeiro disparo fará com que o animal se disperse, caso você erre. Além do que animais próximos também irão fugir após o estrondo.

Por outro lado, a maioria das bestas são projetadas para serem silenciosas durante o disparo. Ou também podem ser customizadas com amortecedores de cordas, que reduzem significativamente o ruído geral da balestra. Se você errar o primeiro tiro, há grandes chances de não assustar o javali, desde que você não seja visto. Permitindo assim, que você engatilhe sua balestra para uma segunda tentativa. Veja também outras dicas para caça de javali com balestra.

caça de javali com besta
A caça de javali com besta é mais discreta

Vale lembrar que o uso de balestras também torna a atividade de caça de javali mais discreta, permitindo o manejo próximo a áreas povoadas ou locais onde armas de fogo são restritas.

Flechas com mais força e velocidade

A maioria das bestas dispara flechas em velocidades superiores a 100 metros por segundo. Algumas até mesmo ultrapassam a marca dos 140 m/s. Portanto, quanto maior a velocidade da flecha, mais plana será a sua trajetória. Ou seja, menos chances de errar ou apenas ferir o animal se o local correto não for atingido.

Uma flecha mais rápida também carrega uma quantidade maior de energia cinética. Por exemplo, uma balestra com potencial de disparar uma flecha de 400 grains a 140 m/s, produzirá 188 libras de energia cinética. Como resultado, será possível abater, sem preocupações, um grande animal a até 50 metros de distância.

Balestras são altamente precisas e eficazes

Ao caçar qualquer animal, o posicionamento adequado do tiro pode significar a diferença entre ferir e perder o animal ou dar um golpe fatal. A precisão do tiro é particularmente importante ao caçar javalis, pois a área que você deve acertar é do tamanho de um palmo. Evoluções importantes nas miras das balestras e no design das flechas, permitem hoje que sejam feitos agrupamentos de 3cm em alvos a 50 metros de distância.

Com o nível atual de precisão, as bestas tornaram-se uma das armas mais eficazes para a caça de espera.

Menor curva de Aprendizagem

As balestras modernas possuem design muito semelhante ao dos rifles. Enquanto um caçador aprendiz pode precisar adestrar-se sobre carregar, engatilhar e desarmar, alguém que já caçou com rifle não deve ter dificuldades ao iniciar com uma besta.

Caça de javali com balestra e as semelhanças com um rifle
Há semelhanças no uso de balestras e rifles na caça de javali

O processo de mira com bestas ou rifles são muito semelhantes, tornando muito fácil de atirar sentado ou ajoelhado. Os caçadores também podem disparar balestras apoiadas em suportes, o que aumenta muito a estabilidade e a precisão. Essas características tornam a besta uma excelente opção para iniciantes, em contraste a outros tipos de arcos. Além disso, as balestras também permitem o uso miras telescópicas. Portanto, a besta é um equipamento “amigável” para caçadores que já possuem experiência com rifles ou espingardas.

Mais segurança

A engenharia das balestras modernas tornou-as altamente precisas e simples de manusear. Além disso, o design também prioriza a segurança do caçador. Acima de tudo, ao buscar um equipamento desses no mercado, é interessante comparar os recursos de segurança.

Bestas possuem menos restrições legais

Uma besta pode ser uma ótima maneira de introduzir os jovens no mundo da caça. Diante das restrições legais que dificultam a aquisição de armas de fogo e até mesmo impossibilitam para menores de 25 anos, as balestras apresentam-se como uma excelente alternativa.

O uso da balestra permite que jovens entrem na floresta e participem das mesmas atividades desempenhadas por caçadores equipados com rifles ou espingardas. Ou seja, para caçar em grupo, esperar por uma oportunidade de tiro certeiro em uma ceva, estimar a distância do alvo ou seguir uma trilha de sangue, todas são atividades que independem do uso de uma espingarda, rifle ou besta.

Os motivos para caçar javali com uma balestra: Considerações finais

Neste texto eu citei apenas alguns motivos para caçar javali com uma balestra, mas existem muitos outros. Além de tudo, esse equipamento conecta você com o passado histórico, dos arqueiros medievais e dos caçadores antigos.

Um dos principais destaques da besta é que ela possibilita que jovens comecem a caçar mais cedo, com menos burocracia. Exigindo apenas um cadastro no IBAMA. A balestra abre os caminhos da caça para pessoas que ainda não possuem idade mínima para aquisição de armas de fogo ou que simplesmente não querem transpor toda a burocracia para tal.

A balestra chegou para ficar e a sua popularidade na caça de javali só continuará a crescer.

E você, já teve oportunidade de caçar com uma balestra? O que achou? Deixe o seu comentário abaixo.

Saty Jardim:

Prestador de serviços credenciado no Exército Brasileiro sob Nº 000.116.553-48. Praticante da pesca, caça e do tiro desportivo, que aprendeu na prática os procedimentos legais para compra e registro de armas de fogo, requisição de CR e outros procedimentos junto ao Exército, Polícia Federal, IBAMA e SAP/MAPA.

Comentários:
  • Guilherme

    Na data de hoje, para caçar javali com balestra, ainda posso fazer o cadastro no IBAMA da mesma forma? Tinha ouvido que foi cancelado o cadastro do IBAMA por causa do último decreto, do atual governo, com armas de fogo. Mas isso vale para quem quer caçar com balestras?

    Responder
    • Saty Jardim

      Guilherme, na data de hoje a caça está suspensa. o IBAMA só está emitindo autorização para captura com armadilhas do tipo gaiola ou curral.

      Responder
  • Alan

    Ótimas considerações.
    Meu primeiro equipamento de tiro foi uma balestra recurva de 200 libras, tenho ela até hoje.
    Até hoje meus tiros de campo (tanto em alvos quanto em caça legalizada) são somente com a balestra ou com a minha carabina de pressão PCP.
    A minha arma de fogo fica em casa e de vez em quando vai no clube.

    Responder
    • Saty Jardim

      Que bacana, Alan. Obrigado pelo seu depoimento.

      Responder
  • Jardel Bender

    Muito bom o seu blog, sanou várias dúvidas e me ajudou no cadastro do IBAMA, lhe agradeço.
    Agora uma pergunta, qual a “Libragem” minima para caçar um javali, qual o suficiente para penetrar a pele?

    Responder
    • Saty Jardim

      A escolha da libragem ideal da balestra para caçar javalis pode depender de alguns fatores, como a distância do disparo e o tamanho do animal. No entanto, em geral, recomenda-se que a balestra tenha pelo menos 150 a 175 libras para garantir um disparo forte o suficiente para abater um javali com eficiência.

      Responder
  • Cícero

    Muito bom o conteúdo, gostei comprei uma balestra, mais nunca tinha usado uma, achei muito difícil pra usar mais não sabia que tinha que ter cadastro no Ibama prá caça javali

    Responder
    • Saty Jardim

      É tudo uma questão de treino, Cícero. Sim, para fazer a caça de javali é necessário obter o cadastro no IBAMA.

      Responder
Deixe o Seu Comentário:

vinte − quinze =

2019 - 2024 Legalmente Armado. Desenvolvido por .